Web Rádio Peregrina
Obra Missionária de Evangelização e Acolhida Social Virgem do Carmo Peregrina

19/05/2017

"O homem no centro da economia, não o dinheiro", exorta Francisco

A este heterogêneo grupo, o Pontífice dirigiu um discurso para manifestar sua preocupação com o cenário internacional, marcado por uma complexidade notável e por densas nuvens. Contribuem para este cenário, afirma o Papa, uma economia e uma finança que, ao invés de servir o ser humano concreto, se organizam principalmente para servir a si mesmas e subtrair-se ao controle dos poderes públicos. Estes, por sua vez, mantêm a responsabilidade do bem comum, mas não tem os instrumentos necessários para moderar os “exagerados apetites de poucos”. Francisco criticou a crescente propensão a considerar a força não como ultima ratio, mas quase com um meio entre os demais, sem uma aprofundada avaliação das consequências. Para o Pontífice, outro fator que agrava os conflitos é o fundamentalismo, o abuso da religião para justificar a sede de poder e a instrumentalização do nome de Deus. A esses riscos, se responde construindo uma economia e uma finança responsáveis diante do destino do ser humano e das comunidades. “O homem – e não o dinheiro – volte a ser a finalidade da economia!”, exortou. Francisco pediu ainda “a paciência corajosa do diálogo e da diplomacia” para enfrentar as divergências e isolar quem quiser transformar a pertença a uma religião em motivo de ódio para os demais. “A quem deturpa assim a imagem de Deus, se oponha um empenho conjunto para mostrar que se honra o seu Nome salvando vidas, e não as matando, levando reconciliação e paz, e não divisão e guerra, com a misericórdia e a compaixão e não com a indiferença e a brutalidade. Se nos movermos com decisão neste caminho, a causa da paz e da justiça fará concretos passos avante.” O Pontífice concluiu seu discurso fazendo uma saudação especial às comunidades católicas dos referidos países: “Eu os encorajo a continuarem seu testemunho de fé e a oferecerem sua generosa contribuição ao bem comum”. (from Vatican Radio)
Imprimir

23/11/2017
Papa Francisco cria nova Diocese no Brasil e nomeia seu primeiro bispo
O Papa Francisco erigiu uma nova Diocese no Brasil, a de Cruz das Almas (BA), desmembrada da Arquidiocese de Salvador, e nomeou como seu primeiro Bispo Dom Antônio Tourinho Neto, até então Bispo auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife (PE). A nova Diocese desmembrada da Arquidiocese de Salvador será composta pelos municípios de Cabaceiras do Paraguaçu, Cachoeira, Cruz das Almas, Governador Mangabeira, Maragogipe, Muritiba, Santo Amaro, São Félix, Sapeaçu e Saubara.

22/11/2017
Brasil passa a ter a menor Basílica do mundo
No alto da Serra da Piedade, em Caeté (MG), uma pequena ermida recebe há 250 anos milhares de peregrinos, levando à necessidade da construção de outra igreja maior na década de 1970; agora, esses dois templos foram elevados a Basílicas pelo Papa Francisco, sendo que um deles se tornou a menor Basílica do mundo.

21/11/2017
Ano Jubilar do centenário de Fátima será encerrado na Solenidade de Cristo Rei
No próximo dia 26 de novembro, Solenidade de Cristo Rei, o Santuário de Fátima irá promover o encerramento do Ano Jubilar do Centenário das Aparições, conforme decretado pela Penitenciaria Apostólica. Para o encerramento deste Ano Jubilar, o Bispo de Leiria-Fátima, Dom António Marto, será o delegado Pontifício, por indicação do Papa Francisco.

20/11/2017
Em mensagem de vídeo, Papa explica por que viaja a Mianmar
De 26 a 30 de novembro, o Papa Francisco realizará em uma nova viagem apostólica. Voltará na Ásia para visitar Mianmar, e depois irá a Bangladesh. Francisco enviou uma mensagem de vídeo na qual explica aos habitantes do país o motivo da sua visita: “Eu não vejo a hora de poder encontrá-los. Venho proclamar o Evangelho de Jesus Cristo, uma mensagem de reconciliação, perdão e paz”, afirma.

19/11/2017
Hoje a Igreja celebra São Roque González e companheiros mártires
A Igreja celebra neste dia 19 de novembro São Roque González e companheiros mártires. O sacerdote jesuíta foi martirizado e teve o corpo queimado por anunciar o Evangelho na América do Sul. Natural do Paraguai, evangelizou também em terras brasileiras, no território que atualmente pertence ao Rio Grande do Sul. São Roque nasceu em Assunção, Paraguai, em 1576. Aos 22 anos foi ordenado sacerdote e, posteriormente, nomeado Pároco da Catedral de Assunção. Em 1609, ingressou na Companhia do Jesus e anos depois foi designado superior da primeira Missão do Paraguai.


 

© Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina. Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Vetorial Soluções Corporativas
Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina