Web Rádio Peregrina
Obra Missionária de Evangelização e Acolhida Social Virgem do Carmo Peregrina

29/11/2017

Missionário anônimo conta as dificuldades para evangelizar Mianmar

"Como as pessoas são pobres, e é muito caro viajar à capital, a Igreja está fazendo muito esforço a fim de que os fiéis possam participar dos eventos", explica o missionário e afirma que o Cardeal Charles Bo escreveu a todas as paróquias, dioceses, congregações e bispos, pedindo-lhes que ajudem os fiéis a participarem das atividades. "Todos nós colaboramos economicamente para apoiar os traslados" e inclusive "monges budistas ofereceram suas instalações para acolher os peregrinos", informou. A fé católica em Mianmar O missionário, que prefere permanecer anônimo para não colocar em perigo a sua missão no país, recordou que Mianmar é maiormente budista, 87,9% da população; e que "oficialmente" existem outras religiões minoritárias, entre elas, cristãos e católicos, que são cerca de 700 mil. Entretanto, afirma que apesar de que haja celebrações de culto nas ruas, na verdade, as oportunidades que existem na sociedade para os que não são budistas são muito diferentes. "Se você é budista, tem mais oportunidades para chegar a um cargo público, ou pode conseguir um cargo melhor". O missionário, que está no país há sete anos, explica que "não permitem a presença de missionários estrangeiros. Eles têm medo que façam proselitismo. Na verdade, os irmãos (de comunidade) nativos, embora sejam reconhecidos como tal, oficialmente não podem evangelizar. Aqui quase não há conversões, o crescimento do cristianismo ocorre principalmente segundo a natalidade". Por isso, explica que ele não está registrado como religioso, mas tem um visto de negócios. "Existe um visto religioso, mas só para aquelas pessoas que querem uma experiência em um templo budista", indicou. Entretanto, assegurou que esta situação melhorou. “Antes de dezembro de 2016, tínhamos que sair do país a cada 70 dias. Atualmente dão permissões para estadias mais longas. Nós não contamos para ninguém que somos missionários. Quando as pessoas nos cumprimentam e nos perguntam, dizemos que somos professores, tradutores. Por esta razão, eu não posso dizer o meu nome nesta entrevista". Ele não especificou o número exato de missionários no país, mas assegurou que são cinco espanhóis. "Desde 2010, nos reunimos no grupo missionário ORLA (Overseas Religious and Lay Associates). Desde então, nos encontramos para compartilhar dificuldades, experiências e incentivar-nos mutuamente através da reflexão e formação especialmente na enculturação. “Costumam ser cerca de nove congregações diferentes, mas há mais", precisa. O missionário recorda que, em 2011, houve uma reunião sobre a Nova Evangelização, na qual estiveram presentes religiosos e sacerdotes. "Disseram e apontaram que a Igreja em Mianmar foi passiva na evangelização, porque oficialmente foi impossível. Isso impediu a criatividade. É necessário sair mais, ir às zonas rurais, onde talvez seja um pouco mais fácil de entrar", assegura.
Imprimir

13/12/2017
Marcha LGTB faz paródia da Virgem Maria abortando na Argentina, católicos reagem
A marcha blasfema liderada por um grupo LGBT contra a Virgem Maria, na província argentina de San Luis, em 8 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição, vem casuando repúdio por parte dos Católicos nas redes sociais. O evento ocorreu por volta das 20h em Villa Mercedes, na província de San Luis, em frente à Paróquia Nossa Senhora das Mercedes, durante a Eucaristia que estava sendo celebrada pelo vigário episcopal, Pe. Ignacio Daminato.

12/12/2017
Hoje é a festa de Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira da América
“Não se perturbe teu rosto, teu coração... Não estou eu aqui, tua Mãe?”, disse a Virgem de Guadalupe ao aflito Juan Diego em 12 de dezembro de 1531. Ela, a Padroeira da América e do México, quis deixar sua imagem desde esse dia em uma singela “tilma” como sinal do amor de Deus para com os crentes e não crentes. Somente dez anos depois da conquista do México, os missionários tinham pouco êxito na evangelização e conversão dos novos povos, em grande parte pelo mau exemplo dos que, chamando-se cristãos, abusavam dos nativos.

11/12/2017
Este é o segredo da “vida bela” de Maria, segundo o Papa Francisco
“A Palavra de Deus”, este era o segredo da “vida bela” da Virgem Maria, segundo explicou o Papa Francisco durante a oração do Ângelus na Praça de São Pedro do Vaticano, na manhã de hoje, Solenidade da Imaculada Conceição. O Santo Padre explicou que Maria não chamava a atenção: “Era de família simples, vivia humildemente em Nazaré, uma cidadezinha quase desconhecida. Não era uma mulher famosa. Ninguém soube quando o anjo a visitou, naquele dia não estava ali nenhum ‘repórter’”.

08/12/2017
Papa Francisco surpreende e escreve carta a um jovem catequista peruano
Antes da sua visita apostólica ao Peru do dia 18 ao 21 de janeiro de 2018, o Papa Francisco surpreendeu um jovem catequista peruano ao responder-lhe a uma carta que ele enviou há alguns meses. Esta é a sua história. O catequista é Renzo Villacorta Ríos, tem 20 anos e vive na cidade de Iquitos, na região amazônica de Loreto. Há mais de um ano decidiu escrever para o Santo Padre, enquanto visitava a Polônia, durante a Jornada Mundial da Juventude Cracóvia 2016.

07/12/2017
Hoje é celebrado Santo Ambrósio, Bispo de Milão e mentor de Santo Agostinho
Neste dia 7 de dezembro, a Igreja celebra Santo Ambrósio, um dos quatro tradicionais Doutores da Igreja latina. Entre seus escritos estão os comentários aos Salmos e Tratados sobre os Mistérios. Bispo de Milão, foi também o mentor de Santo Agostinho, tendo contribuído para sua conversão. De família cristã, o nome do santo significa “imortal”. Ele nasceu por volta de 340 em Tréveros, onde o pai era prefeito das Gálias. Quando sua mãe ficou viúva, foi com os filhos para Roma.


 

© Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina. Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Vetorial Soluções Corporativas
Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina