Web Rádio Peregrina
Obra Missionária de Evangelização e Acolhida Social Virgem do Carmo Peregrina

Quer receber nosso informativo? Cadastre-se!

Cadastre-se e receba textos, notícias e muito mais em seu e-mail.




21/04/2017

Sobrinha dos Pastorinhos de Fátima: Não somos dignos do dom que Deus nos deu

“A família, meus avós e meus pais, todos nós sempre o aceitamos como um dom de Deus. Deus escolheu os meus tios, porque Ele quis, tanto que o meu avô dizia que a Virgem queria vir a Fátima e havia escolhido os seus filhos, mas nós não merecíamos nada. Portanto, sempre vivemos com muita simplicidade porque Deus escolheu e escolhe quem Ele quer. Nós não merecemos nada”. Em uma recente visita a esta pequena cidade de Portugal, onde ocorreram as aparições – a última foi no dia 13 de outubro do mesmo ano –, o Grupo ACI conversou com a sobrinha de Jacinta e Francisco, que serão canonizados pelo Papa Francisco no próximo dia 13 de maio durante a sua visita à cidade. Jacinta Pereira Marto tem 74 anos. “Sinto uma grande alegria, naturalmente, mas esta festa não é somente da família, é de Portugal e do mundo inteiro, porque Nossa Senhora veio ao mundo. E eles são uma mensagem para o mundo”, afirmou a sobrinha dos pastorinhos. “Às vezes eu me pergunto como duas crianças de sete e nove anos conseguiram captar e responder ao mesmo tempo a mensagem de Deus”, expressa sobre os seus tios, testemunhas das aparições. Jacinta acredita que “a mensagem de Fátima nos recorda que a Virgem veio para que voltemos a Deus, para que não esqueçamos que Deus nos ama, mas que devemos louvá-Lo e devemos ser gratos a Ele”. Jacinta assegura que “a Virgem não pediu muitas coisas que não possamos fazer. Ela pediu para que se reze o Rosário. E Nossa Senhora havia pedido rezá-lo – segundo dizia a própria Lúcia – porque era uma oração fácil, para todo o mundo, pois pode ser rezada na igreja, caminhando, no carro, em qualquer lugar existe a possibilidade de rezar o rosário”. “Eu busco rezar o terço todos os dias, mas digo que quem não consegue rezá-lo que reze pelo menos uma Ave Maria para louvar a Virgem Maria e um Pai Nosso para agradecer a Deus por ser nosso amigo. Deus nos ama muito e às vezes nos envia a sua Mãe para nos ajudar um pouco, para que sejamos um pouco melhores. Deus quer que procuremos ser um pouco melhores a cada dia, porque sempre seremos pecadores, não somos perfeitos, mas procuremos ser um pouquinho melhores a cada dia”. Jacinta é a filha de João, irmão dos pastorinhos Jacinta e Francisco, e nasceu na mesma casa que eles. “Meu pai era dois anos mais velho do que Francisco e também teve o privilégio de estar na aparição de Valinhos (Valinhos está localizado perto do Santuário e foi o quarto lugar de aparição da Virgem, em 19 de agosto, 1917), depois que eles estiveram na aparição de Vila Nova de Ourém”, recordou Jacinta. Entretanto, afirmou: “meu pai estava lá, mas não viu nada. Estiveram apenas Francisco, Jacinta e Lúcia e o meu pai, mas ele disse que por mais que abrisse os seus olhos e olhasse, não conseguiu ver nada”. Jacinta recorda que seus avós (pais de Jacinta e Francisco) “não entendiam as coisas”. “Então pensaram que seus filhos eram um pouco diferente dos outros, mas não sabiam exatamente de que maneira”. Apesar disso, “meu avô sempre acreditou”. “Jacinta foi a primeira a dizer que Nossa Senhora havia aparecido e, quando lhe perguntavam, respondia: ‘Meus filhos não são mentirosos, eu os eduquei, portanto, se dizem que a viram, eu acredito que a viram’”. Embora seu avô nunca tenha vista a Virgem, sua neta Jacinta recorda que ele “esteve em algumas aparições e mesmo dizendo que não via nada, percebia que algo estava acontecendo”. “Ele dizia que escutava um som, como se fosse uma abelha em um cântaro, em um recipiente. Mas o milagre do sol ele viu. Então, se antes já acreditava, continuou acreditando”. Jacinta se refere ao que aconteceu depois da última aparição da Virgem Maria aos pastorinhos: foi possível ver o sol se mexendo como se estivesse “dançando”, segundo relataram aqueles que testemunharam. Atualmente, a sobrinha dos pastorinhos tem certeza que “Jacinta e o meu tio me protegem”. “Eu não sou ninguém, sou pecadora como todo mundo, mas acho que me protegem, sinto que eles me protegem e Nossa Senhora também”.
Imprimir

16/02/2018
Papa Francisco encontra o clero da sua diocese
Há várias idades no sacerdócio, cada uma com características peculiares que comportam dificuldades, mas possuem também recursos. Foi o que disse o Papa Francisco ao clero de Roma reunido esta quinta-feira (15/02) na Basílica de São João de Latrão – sede da Diocese de Roma – para o tradicional encontro de início da Quaresma.

14/02/2018
Cardeal Tempesta comenta o tema da CF 2018 dedicada à violência
Atendendo ao apelo dos Bispos do Regional Leste 1 – CNBB, as dioceses do Estado do Rio de Janeiro realizarão no próximo dia 17 de fevereiro a Abertura da Campanha da Fraternidade (CF) 2018. O Rio de Janeiro vem sofrendo com os diversos casos de violência, os números de assassinatos e assaltos são crescentes. A violência atinge até mesmo os agentes de segurança que levam a população a um clima de medo e tensão.

13/02/2018
Papa: paciência não é resignação, é dialogar com os próprios limites
Na primeira Missa da semana na Casa Santa Marta o Papa Francisco disse que a paciência é a virtude de quem está em caminho. “A fé, colocada à prova, produz paciência.” O Papa Francisco inspirou sua reflexão na Primeira Leitura do dia, de São Tiago Apóstolo.

08/02/2018
Solidariedade do Papa a atingidos por terremoto em Taiwan
O abalo sísmico foi sentido também na capital Taipé. Com magnitude de 6,4 graus na escala Richter, o epicentro foi localizado no Oceano Pacífico, a 21Km ao nordeste de Hua-Lien.

07/02/2018
Festival na Lateranense em preparação ao Sínodo dos Jovens
“Qual Igreja dos jovens?” é o tema do Festival Internacional da Criatividade, a ser realizado na Pontifícia Universidade Lateranense, em Roma, nos dias 9 e 10 de março. Esta segunda edição tem o patrocínio do Sínodo dos Bispos. A iniciativa inspira-se precisamente no Sínodo dos Jovens convocado pelo Papa Francisco para outubro próximo e nasce da colaboração entre o ateneu pontifício, a Villanova University da Pensilvânia e Creativ, realidade de formação especializada em gestão pastoral.


 

© Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina. Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Vetorial Soluções Corporativas
Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina