Web Rádio Peregrina
Obra Missionária de Evangelização e Acolhida Social Virgem do Carmo Peregrina

Quer receber nosso informativo? Cadastre-se!

Cadastre-se e receba textos, notícias e muito mais em seu e-mail.




14/12/2017

Pe. Tom Uzhunnalil recebe Prêmio Internacional Madre Teresa pela sua coragem e compaixão

Segundo informações da agência de notícias salesiana ANS, a cerimônia de premiação foi realizada em 10 de dezembro na cidade de Mumbai, no estado de Maharashtra. O presidente da Fundação Harmony, Abraham Mathai, entregou ao Pe. Tom uma estatueta e um certificado que destaca a sua coragem ante as adversidades. O Pe. Tom agradeceu o prêmio e comentou: “Conheci Madre Teresa de Calcutá em 1983 e me inspirei no seu amor por Deus, na sua humildade e simplicidade e na abordagem muito amigável com as pessoas”. Também pronunciou a famosa frase da santa: “Não podemos fazer grandes coisas, mas todos podemos fazer grandes coisas com amor”. “Sou um sacerdote católico e salesiano, que trabalha pelos jovens e marginalizados. Eles me deram a oportunidade de servir na missão no Iêmen. Deus tem uma missão para cada um de nós. Meus sinceros agradecimentos a todas as pessoas que rezaram por mim: hindus, cristãos e muçulmanos, e aos que amam a humanidade”, manifestou. O sacerdote agradeceu novamente a todos aqueles que rezaram pela sua libertação e afirmou que “existe o bem em cada pessoa, e somente através do amor e do perdão podemos dar testemunho da paz”. “Precisamos perdoar os nossos inimigos. Eu acredito em um Deus vivo que me chamou para ser testemunha d’Ele”, manifestou o sacerdote. O Pe. Tom foi sequestrado no dia 4 de março de 2016 por um grupo de terroristas que atacaram o asilo de pessoas deficientes, administrado por cinco Missionárias da Caridade em Áden (Iêmen). Como recordamos, naquele dia os jihadistas assassinaram os voluntários e quatro religiosas. O Pe. Tom Uzhunnalil foi libertado no dia 12 de setembro deste ano. Ele foi transferido para Roma, onde permaneceu durante duas semanas na comunidade dos salesianos. Na Itália, o sacerdote indiano se reuniu com o Papa Francisco e deu uma coletiva de imprensa, na qual falou sobre o seu cativeiro durante 18 meses nas mãos do ISIS. O Pe. Tom Uzhunnalil voltou para a Índia em 28 de setembro e se reuniu com autoridades políticas e religiosas. Ele também visitou Ramapuram, a sua cidade natal, no estado de Kerala. ANS indicou que o sacerdote permanece neste país e que em todos os eventos que participa “surpreende as pessoas com o seu testemunho cristão humilde e sereno, assim como pelo seu desejo de fazer só a vontade de Deus no futuro”.
Imprimir

24/01/2018
Papa ao Fórum de Davos: o homem no centro para uma economia inclusiva
Mensagem de Francisco foi enviada ao presidente-executivo do Fórum, Klaus Schwab, e lida pelo card. Turkson. As inovações tecnológicas devem ser utilizadas “para a proteção da nossa casa comum”. Em especial, a inteligência artificial e a robótica devem estar a serviço da humanidade, e não ser uma ameaça “como algumas avaliações infelizmente preveem”. Este é o apelo lançado pelo Papa Francisco na carta enviada ao Fórum Econômico Mundial, que se realiza em Davos de 23 a 26 de janeiro.

23/01/2018
Papa a jornalistas a bordo: no Chile e Peru contagiado pela fé do povo
Há países na América Latina com políticas liberais que os levaram a uma pobreza maior ainda. Em geral, uma política liberal que não envolve todo o povo é seletiva e leva a um enfraquecimento. No voo de retorno a Roma o Papa fala com os jornalistas sobre a viagem ao Chile e Peru.

22/01/2018
Francisco despede-se do Peru: “Levo vocês no coração"
Na conclusão de suas palavras o Santo Padre falou mais uma vez de esperança: “vocês têm tantos motivos para esperar! Vi-o, toquei-o com a mão nestes dias. Conservem a esperança.

21/01/2018
Papa: ser ricos de memória nos liberta da tentação de messianismos
Após almoçar no Arcebispado de Trujillo e visitar a Catedral de Santa Maria, o Papa Francisco foi ao “Colégio Seminário” para encontrar os sacerdotes, religiosos, religiosas e seminaristas das Circunscrições eclesiásticas do norte do Peru. O Colégio tem 390 anos e é dedicado aos Santos Carlos e Marcelo. Fundado em 1625 como casa de formação para sacerdotes, atualmente é voltado à educação de jovens do primeiro e segundo grau.

20/01/2018
Papa: corrupção é um “vírus social” na América Latina
No discurso às autoridades peruanas, Francisco falou da corrupção como forma sutil de degradação do meio ambiente que contamina progressivamente todo o tecido vital.


 

© Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina. Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Vetorial Soluções Corporativas
Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina