Web Rádio Peregrina
Obra Missionária de Evangelização e Acolhida Social Virgem do Carmo Peregrina

Quer receber nosso informativo? Cadastre-se!

Cadastre-se e receba textos, notícias e muito mais em seu e-mail.




22/12/2017

Núncio no Peru: Crise política não afeta visita do Papa Francisco

O Pero enfrenta uma de suas crises políticas mais graves, depois que, no último dia 15 de dezembro, o Congresso aprovou um pedido de vacância por permanente incapacidade moral do presidente Pedro Pablo Kuczynski, pelos vínculos de suas empresas com a construtora brasileira Odebrecht, quando era ministro durante o governo de ex-presidente Alejandro Toledo. Este processo de vacância começou nesta quinta-feira, 21 de dezembro no Congresso, de ampla maioria opositora. Para sua aprovação, são necessários 87 votos dos 130 legisladores. O Núncio sublinhou que diante desta situação, “um clima de unidade favoreceria também a que os cidadãos possam viver a serenidade para receber o Santo Padre”. Em diálogo com os jornalistas, o Cardeal explicou que a situação política do país “não tem nada a ver. O Papa virá de qualquer maneira para trazer paz, unidade e carinho. Tenho certeza de uma estará aqui em 18 (de janeiro). Espero que no dia 18 estejamos todos em paz”. “Peçamos a Deus que abençoe o país para que esta crise se resolva relativamente logo. Não façamos uma tragédia. Acredito que toda democracia possa passar por momentos difíceis e as instituições, se são saudáveis, sabem reagir”, ressaltou. O Cardeal fez estas declarações no dia 17 dezembro, na graduação da promoção “Papa Francisco 2017”, do Instituto Trentino João Paulo II, de Manchay, uma região de escassos recursos em Lima. Os preparativos Durante a entrevista a EWTN Noticias, Dom Girasoli destacou que “o povo peruano está se preparando com o coração aberto para receber nosso queridíssimo Papa Francisco. Os preparativos estão muito bem, estruturais, referentes aos lugares onde o Papa estará: Puerto Maldonado, Trujillo e Lima”. “Há também uma grande preparação dos corações. Vemos que o povo peruano gosta muito do Papa e será um encontro muito importante, que fará bem ao país, a todos”. O Núncio no Peru ressaltou que “devemos nos preparar com a fé, porque nosso querido Papa vem para confirmar todos na fé. Cada um deve se preparar com muita esperança, para precisamos dela. Essa esperança pode ser forte se realizamos um caminho de unidade, um caminho de solidariedade e um caminho de perdão”. O Arcebispo também se referiu ao livro que escreveu sobre o Santo Padre, intitulado “La Iglesia de lo essencial” (A Igreja do essencial), ao qual considerou “uma humilde contribuição”, escrito a partir de suas memórias quando serviu na Nunciatura Apostólica na Argentina, entre os anos de 2000 e 2006, quando o então Cardeal Bergoglio era Arcebispo de Buenos Aires. “Neste livro, que tem um conteúdo espiritual, faço o Papa Francisco falar através do Cardeal Bergoglio. Acredito que o magistério de nosso querido Papa Francisco é a continuação, como a luz do dia que leva à plenitude o amanhecer, do ministério pastoral que já havia anunciado em Buenos Aires”, afirmou. Finalmente, o Núncio comentou que seu livro “é uma contribuição que quer preparar, sobretudo, os corações dos sacerdotes, dos religiosos e dos leigos, para compreender um pouco melhor o que é o ministério de nosso Papa Francisco, que nos convida a sair, em uma saída missionária, indo ao essencial”.
Imprimir

24/01/2018
Papa ao Fórum de Davos: o homem no centro para uma economia inclusiva
Mensagem de Francisco foi enviada ao presidente-executivo do Fórum, Klaus Schwab, e lida pelo card. Turkson. As inovações tecnológicas devem ser utilizadas “para a proteção da nossa casa comum”. Em especial, a inteligência artificial e a robótica devem estar a serviço da humanidade, e não ser uma ameaça “como algumas avaliações infelizmente preveem”. Este é o apelo lançado pelo Papa Francisco na carta enviada ao Fórum Econômico Mundial, que se realiza em Davos de 23 a 26 de janeiro.

23/01/2018
Papa a jornalistas a bordo: no Chile e Peru contagiado pela fé do povo
Há países na América Latina com políticas liberais que os levaram a uma pobreza maior ainda. Em geral, uma política liberal que não envolve todo o povo é seletiva e leva a um enfraquecimento. No voo de retorno a Roma o Papa fala com os jornalistas sobre a viagem ao Chile e Peru.

22/01/2018
Francisco despede-se do Peru: “Levo vocês no coração"
Na conclusão de suas palavras o Santo Padre falou mais uma vez de esperança: “vocês têm tantos motivos para esperar! Vi-o, toquei-o com a mão nestes dias. Conservem a esperança.

21/01/2018
Papa: ser ricos de memória nos liberta da tentação de messianismos
Após almoçar no Arcebispado de Trujillo e visitar a Catedral de Santa Maria, o Papa Francisco foi ao “Colégio Seminário” para encontrar os sacerdotes, religiosos, religiosas e seminaristas das Circunscrições eclesiásticas do norte do Peru. O Colégio tem 390 anos e é dedicado aos Santos Carlos e Marcelo. Fundado em 1625 como casa de formação para sacerdotes, atualmente é voltado à educação de jovens do primeiro e segundo grau.

20/01/2018
Papa: corrupção é um “vírus social” na América Latina
No discurso às autoridades peruanas, Francisco falou da corrupção como forma sutil de degradação do meio ambiente que contamina progressivamente todo o tecido vital.


 

© Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina. Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Vetorial Soluções Corporativas
Obra Missionária Virgem do Carmo Peregrina